Filme: Divergente

filme-2Bdivergente-2B1

Mais uma história deixa as páginas do livro e toma formas e cores nas telas dos cinemas. Divergente é baseado no livro homônimo escrito por Veronica Roth. Na verdade, trata-se de uma trilogia distópica que é best-seller nos Estados Unidos. Aqui no Brasil a série foi lançada pela editora Rocco (clique aqui para saber mais). Eu ainda não tive a oportunidade de ler os livros, então vou falar exclusivamente sobre as minhas impressões vendo o filme pela primeira vez e sem ter como parâmetro os livros.

filme-2Bdivergente-2B2

O filme conta a história de Beatrice (ou Tris), que precisa fazer uma escolha terrível que mudará sua vida para sempre. Em um futuro distópico caracterizado pela película, a sociedade é divida entre facções. São cinco: Candor (os francos), Abnegation (os altruístas), Dauntless (os audaciosos), Amity (os amigos) e Erudite (os inteligentes). Aos 16 anos, os jovens precisam decidir se permanecerão em suas facções de origem ou escolherão um caminho diferente. Ao fazer a escolha que mudará o resto de suas vidas, eles escolherão também uma família. Aqui, a facção está acima do sangue.

Beatrice nasceu na Abnegation, a facção dos altruístas, pessoas que dedicam suas vidas a ajudar o próximo. Eles são como funcionários públicos de um sistema altamente organizado e estão na esfera mais alta do poder, antes das outras facções. Devem ser pessoas incorruptíveis, de bom coração, que sejam capazes de pensar no outro antes de si mesmos. No entanto, apesar de ter nascido na Abnegation e ter sido ensinada sobre responsabilidade e altruísmo, não é esse tipo de vida que Beatrice quer levar pelo resto de sua vida.

filme-2Bdivergente-2B3

Para ajudar os jovens em uma decisão tão importante, existe um teste capaz de determinar o que de fato vai em seus corações e mostrar-lhes um caminho. O problema começa quando Beatrice faz o seu teste e descobre algo terrível e perigoso: ela não pertence a uma única facção, ela é uma “Divergente”. Beatrice é franca, altruísta, audaciosa, amiga e inteligente. No entanto, em uma sociedade hierarquicamente organizada, um “Divergente” é alguém perigoso que não se encaixa. Alguém com opiniões muito próprias e a quem o governo não pode comandar.

No dia da escolha, Beatrice resolve seguir o seu coração e escolhe a facção dos audaciosos, os Dauntless. São eles os responsáveis por proteger a cidade e manter a ordem. Com um novo nome, novas cores e um segredo muito bem guardado, Tris mergulha de cabeça nesse novo mundo de possibilidades e perigos. Mas ela ainda é uma “Divergente”, e isso é algo que não se pode esconder por muito tempo.

filme-2Bdivergente-2B4

Eu gostei do filme no geral. A fotografia é linda e cada cena foi muito bem pensada e produzida. O filme é um pouco arrastado no começo, quando foca no treinamento da Tris para ser uma audaciosa, e a verdadeira ação só acontece lá no finalzinho do filme, mas de qualquer forma foi um tempo bem gasto. Eu gostei bastante dos atores também. Shailene Woodley interpreta Tris e Theo James faz o papel de Quatro, seu par romântico. O final é interessante e abre várias portas incríveis para a continuação.

O que de fato me incomodou um pouco, e talvez o livro seja capaz de esclarecer, é que não existem muitas explicações plausíveis para o surgimento dessa sociedade dividida em facções tão delineadas. Fiquei sentindo falta disso, de entender melhor o contexto da história. Mas isso me fez ainda mais curiosa para ler os livros. Acho que deve ser uma leitura muito gostosa. No entanto, apesar de a trilogia ter sido bastante comparada a Jogos Vorazes, não consegui sentir essa aproximação e ainda acho a história criada pela Suzanne Collins muito mais crítica e intensa. Talvez isso mude lendo os livros, né?

filme-2Bdivergente-2B5

De qualquer forma, fica aqui a dica para o final de semana! Quem ainda não viu Divergente, está perdendo tempo!

Quer mais indicações de filmes legais para assistir? Clique aqui.

Tags: | | | |

Sobre o Autor

Inara Souza
Inara Souza

24 anos, interior de São Paulo. É formada em Engenharia Civil e pós-graduada em Arquitetura de Interiores. Criou o Casinha Arrumada para falar das coisas que mais ama e compartilhar histórias. É apaixonada por decoração, livros, músicas e séries de TV. Siga nas redes sociais: Instagram - Facebook - YouTube - Pinterest

5 Comentários

    • Pois é! Eu tinha ouvido muita gente comentar sobre essa história e estava curiosa, por isso decidi ver o filme logo! Agora fiquei com vontade de ler os livros! (rs) ♥


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.