Planner financeiro para download
Que tal descomplicar a sua vida financeira? Eu preparei para você um planner financeiro incrível, que vai ajudar você a organizar as suas finanças mensais, fazer um controle anual e de investimentos! Como o planner financeiro não é datado, você consegue usar pelo tempo que quiser. Vem saber mais!
DIY – Painel para TV (Barato e fácil de fazer)
Vem aprender a fazer esse painel para TV lindo, feito com tábuas de MDF! Custou bem baratinho e deixou a sala muito mais bonita! Sem falar que é um painel diferente de tudo o que você já viu por aí!

Hoje eu trouxe um antes x depois incrível para vocês! Encontrei 2 cadeiras velhas enferrujadas no meio da rua e resolvi reformá-las, dar uma carinha nova para elas! O resultado ficou incrível! Vem ver! 🙂

Como reformar cadeiras velhas enferrujadas

Então foram essas das duas cadeiras que o meu pai encontrou no lixo para mim. Elas estavam realmente bem feias, com a tinta descascando e marcas de ferrugem. Além disso, estavam quebradas, mas o meu pai soldou para mim os cantinhos.

Gravem bem esse antes porque vocês não vão conseguir acreditar no depois!

Mas vamos começar a reforma, então!

O primeiro passo foi lixar bem toda a cadeira, com uma lixa própria para ferro/metal. É importante lixar cada cantinho, principalmente onde a ferrugem está solta.

Confesso que essa é a parte mais chata, a mais demorada, mas não pule essa etapa, porque ela é muito importante!

Eu fui lixando aos pouquinhos, usando uma lixa mais granulada, número 60.

Depois de lixar, eu passei água nas cadeiras para remover bem todo o pó e deixei secar ao sol.

Tudo seco, foi hora de começar a preparar as cadeiras para receberem a pintura.

Primeiro eu usei esse fundo fundo convertedor de ferrugem, que cria um fundo protetor pronto para a pintura. Ele vai impedir o aparecimento da ferrugem, impedindo que ela se alastre por baixo da pintura.

O produto tem um cheiro bem forte, então não se esqueça de usar uma máscara. Usando o pincel, eu fui aplicando o produto por toda a cadeira, principalmente nas áreas enferrujadas, onde a tinta havia descascado.

Eu apliquei uma demão do fundo convertedor de ferrugem e deixei secar por 24 horas antes de começar a pintar.

Para a pintura, vamos usar esmalte sintético próprio para metais. Decidi pintar a minha cadeira de branco, mas nada impede de você de usar cores diferentes.

Eu nem dilui a tinta, apliquei direto da lata, usando um pincel e rolinho de pintura. O pincel me ajudou a alcançar os cantinhos mais difíceis e o rolinho é ótimo para uniformizar a pintura e deixá-la mais bonita.

Eu apliquei uma demão da tinta, deixei secar completamente e então apliquei a segunda demão. Mais uma vez, depois de pintar, é só aguardar o tempo de secagem final, que no caso da tinta que eu usei, era de 18 horas.

As minhas cadeiras estavam lindas, mas ainda faltava um assento para deixá-las mais confortáveis. Então eu decidi fazer eu mesma!

Antes de começar a mostrar para vocês o passo a passo, preciso dizer que não sou muito boa na costura. Mas me virei aqui até que bem usando o ponto caseado, que é bem simples de fazer e você encontra diversos tutoriais aqui na internet se precisar!

Comecei medindo e cortando o tecido nas dimensões do assento da minha cadeira. Então comecei a costurar toda a volta da almofada, usando o ponto caseado.

No final, deixei um pedacinho sem costurar para colocar o enchimento dentro da almofada. Como enchimento, usei manta acrílica!

Almofada costurada, foi hora de dar um charme especial para ela. Primeiro costurei dois pedaços de renda na parte de trás dela para servirem para amarrar a almofada na cadeira depois.

Decidi também fazer um capitonê na almofada! Para isso, comecei dividindo a almofada em 4, usando fita crepe! A fita me ajuda a delimitar exatamente o lugar em que o botão deve ficar.

Eu fiz assim: comecei inserindo a agulha pela parte de baixo da almofada, inseri o botão na agulha e então voltei a agulha pelo outro buraquinho do botão e por trás da almofada. Na parte de trás dela, amarrei a linha bem firme, para dar esse efeito do capitonê.

Repeti o processo outras 3 vezes, então removi as fitas e usei um pinguinho de cola de artesanato em cada nó, para garantir que eles não se soltassem.

E esse foi o resultado final! Nem parecem as mesmas cadeiras, não é verdade? Por mais que eu ame reformar móveis velhos, e lá no canal tem uma playlist completa com dezenas de transformações, de cadeiras de madeira até aparador, eu sempre me surpreendo com o antes e depois!

E vocês, gostaram?

Veja mais ideias de como reformar móveis antigos clicando aqui.

Você vai gostar de ler também:

Escreva um comentário

Seu comentário*

1 comentário para “Como reformar móveis antigos – Transformei 2 cadeiras enferrujadas!”

  1. 04/03/2019 às 17:41

    Excelente trabalho ❤❤

Bloco de Notas Planner Diário
R$ 12,50
Caixa Decora Rosa Arabesc
R$ 80,00
Tapete de crochê redondo 60cm
R$ 60,00
Jogo America Chevron Azul
R$ 24,00
Capa para sousplat Retalhos
R$ 14,00
Kit 2 cestos fio de malha Bege
R$ 55,00
ver todos os produtos