Como tirar suas metas do papel e transformar a sua vida
Você sente dificuldade em estabelecer metas, definir prioridades e tirar as coisas do papel? Você até tenta se organizar, colocar as coisas no papel, mas, no dia a dia, as coisas nunca saem como você planejou? Aprenda o passo a passo completo para deixar de ser uma sonhadora e se transformar em uma mulher capaz de realizar todas as suas metas!
Precisa organizar a casa?
Talvez você não saiba muito bem por onde começar. O primeiro passo é sempre o mais difícil, eu prometo, e os conteúdos que você vai encontrar aqui vão literalmente pegar você pela mão e ensinar passo a passo tudo o que você precisa saber para organizar cada cantinho da sua casa!

Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Hoje vamos falar um pouquinho sobre quartos de bebês, em especial sobre o quarto montessoriano.

Durante a gestação, uma das melhores etapas é a preparação do quartinho para a chegada do herdeiro. No entanto, ainda mais importante do que um belo quarto todo decorado e lindo, é pensar no crescimento e desenvolvimento do bebê ao longo dos seus primeiros anos de vida, momento de grande aprendizado e descobertas.

Pensando nisso, quando fui montar o quartinho do Lucas, um dos conceitos mais legais que encontrei em minhas pesquisas foi o do quarto montessoriano.

Vocês devem estar se perguntando: mas o que é esse tal quarto montessoriano?

O conceito Montessori foi criado por Maria Montessori, uma médica e educadora italiana no século XX, cuja proposta é estimular a criatividade e a autonomia das crianças, para que se expressem e aprendam por meio da liberdade. Segundo a linha, os ambientes devem ser adaptados para os pequenos da maneira como eles enxergam o mundo. Resumindo, o ambiente montessoriano deve ser totalmente pensado para os bebês e seu desenvolvimento e diversão.

O mais legal de tudo isso é que dá para adaptar o que já temos em casa, e, com pouco de criatividade, criar ambientes lindos gastando bem pouco.

Vamos às dicas para criar o seu?

ABOLIR O BERÇO

Segundo este método, o berço é um limitador dos movimentos dos bebês e deve ser substituído por um colchão no chão ou por uma cama bem baixa, para que ele possa sair e voltar quando quiser.

Quarto Montessoriano 4

Fonte: DecoPeques

BRINQUEDOS SEMPRE À MÃO

Dispor os brinquedos de forma que eles possam pegá-los para brincar também é importante. Dessa maneira, o conceito da autonomia é trabalhado, mas o da organização também, uma vez que as crianças serão capazes de guardar seus próprios objetos. Os brinquedos e livros devem ficar sempre a mão, em uma altura que a criança consiga pegar com facilidade.

Quarto Montessoriano 1

Imagem: Reprodução

MUITO ESPAÇO

Espaço livre para que os bebês possam brincar e aprender. A ideia principal é que eles explorem o quarto, para que cresçam livres e autoconfiantes.

Quarto Montessoriano 6

Fonte: Sou Mãe

ESPELHOS, MUITOS ESPELHOS

A ideia aqui é que o bebê se descubra através da própria imagem, por isso, nesse tipo de ambiente, é legal ter espelhos fixos nas paredes e baixos, na atura da criança.

Quarto Montessoriano 5

Imagem: Reprodução

Quarto Montessoriano 7

Imagem: Reprodução

BARRAS NA PAREDE

Seguindo a linha de desenvolvimento e liberdade, a ideia de ter barras na parede é estimular o bebê, para que ele possa começar a andar sozinho sem ajuda dos pais.

Quarto Montessoriano 9

Fonte: Delas.ig

Quarto Montessoriano 10

Fonte: Educa Mãe

DECORAÇÃO

No que se refere a decoração, menos é mais, ou seja, devemos evitar o acúmulo de objetos no ambiente.

E aí? Gostaram das dicas? Animadas para montar um cantinho todo especial para o seu bebê bem aí na sua casa? Me contem nos comentários e me deem mais dicas!

Beijos e até a próxima!

Escreva um comentário

Seu comentário*