Como tirar suas metas do papel e transformar a sua vida
Você sente dificuldade em estabelecer metas, definir prioridades e tirar as coisas do papel? Você até tenta se organizar, colocar as coisas no papel, mas, no dia a dia, as coisas nunca saem como você planejou? Aprenda o passo a passo completo para deixar de ser uma sonhadora e se transformar em uma mulher capaz de realizar todas as suas metas!
Precisa organizar a casa?
Talvez você não saiba muito bem por onde começar. O primeiro passo é sempre o mais difícil, eu prometo, e os conteúdos que você vai encontrar aqui vão literalmente pegar você pela mão e ensinar passo a passo tudo o que você precisa saber para organizar cada cantinho da sua casa!

Qual seu número? é uma adaptação do livro homônimo escrito por Karyn Bosnak. Eu li o livro há alguns anos (clique aqui para ler a resenha) e havia gostado bastante do enredo. Apesar de clichê e bastante surreal às vezes, (…)

A casinha que eu trouxe para vocês hoje é um charme. Não é particularmente grande, mas fica óbvio o modo como todos os espacinhos foram bem aproveitados aqui. A cozinha dá para a sala através de um corredor muito charmoso (…)

Meu inglês anda bastante enferrujado. Terminei o meu curso há quase 4 anos, e desde então tenho treinado muito pouco pronúncia, vocabulário e gramática. O máximo que eu fiz nesses anos foi ler textos na internet e ouvir músicas em (…)

Sabe aquela receitinha para preparar na correria, quando a gente não tem tempo de preparar nada muito elaborado e que ainda é uma delícia? Essa salada de macarrão é assim! Você não leva nem 15 minutos para fazer e é (…)

E eu não sei o quanto vocês adoram esse tipo de decoração? Quartos, salas, casas e apartamentos pequenos. É um dos assuntos mais pesquisados pelo pessoal que chega no blog através do google e não é para menos: eu também (…)

Um tempinho atrás, a Neila passou por aqui para mostrar os detalhes daquele chá de lingerie lindo que ela mesma produziu, e dessa vez ela veio compartilhar com a gente a decoração de uma festinha temática anos 70 que simplesmente (…)