Almas Gêmeas (Beijada por um anjo #3) por Elizabeth Chandler

Título Original: Almas Gêmeas
Beijada por um anjo #3
Autora: Elizabeth Chandler
ISBN: 9788563219190
Editora: Novo Conceito
Tradução: Marsely de Marco Martins Dantas
Páginas: 262

Onde comprar:
 SUBMARINO CULTURA

 

 

Almas Gêmeas é o terceiro livro da série Beijada por um anjo, escrita por Elizabeth Chandler e lançada no Brasil pela editora Novo Conceito.

 

A resenha pode conter spoilers do primeiro e do segundo livro da série.
Se você ainda não leu os livros, clique aqui e aqui.

 

A Força do Amor é o segundo livo da série Beijada por um anjo e, apesar da leitura fluir com facilidade, resultado da narrativa simples e gostosa da autora, nada de excepcional acontece. O livro lança diversos questionamentos, mas as respostas só aparecem mesmo aqui, em Almas Gêmeas, o terceiro volume da série. Depois de um final arrebatador que deixa o leitor ansioso pelo que virá a seguir, A Força do Amor termina e abre a brecha necessária para todo o desenvolvimento do terceiro livro.

 

Em Almas Gêmeas, Ivy precisa lidar com inúmeras dúvidas e segredos, a começar por sua aparente tentativa de suicídio. É isso o que todos dizem, que ela simplesmente não conseguiu lidar com a morte de Tristan, mas Ivy não pensa que teria sido capaz de algo assim. É claro que a morte dele ainda é dolorosa demais, de um jeito quase insuportável, mas Ivy jamais seria capaz de atentar contra a própria vida, não quando ainda existem pessoas especiais ao seu lado, pessoas a quem ela ama com todo o coração também, como seu irmãozinho Phillip, sua mãe e suas amigas. Acontece que toda a situação é estranha demais, a começar pela explicação de Phillip, que diz ter salvo Ivy com a ajuda do anjo Tristan. Um anjo? Ivy deixou de acreditar neles há muito tempo, no momento em que Tristan morreu naquele acidente de carro.

 

Acontece que parece não haver outra explicação. E ainda há Gregory, que parece cada vez mais estranho e insistente. As peças começam a se encaixar em seus lugares, e não demora muito para que, com a ajuda do irmão, Will e Beth, Ivy comece a acreditar novamente neles, nos anjos. Com a ajuda de Tristan e dos amigos de Ivy, logo as coisas começam a se esclarecer. Quem é Gregory realmente? Qual o papel de Eric na história toda? Como todos os acontecimentos recentes e terríveis podem estar interligados?

 

 

Finalmente, todos os nossos questionamentos são respondidos. Segredos são revelados e personalidades também. Ivy passa a fazer parte de um jogo perigoso e a missão de Tristan ainda não foi cumprida. Lacey continua ao lado dele, ajudando-o, e conhecemos um pouquinho mais dessa garota tão divertida, descomplicada e… triste também. Os motivos do assassino ficam claros no final do livro, e, nesse sentido, acho que a autora desenvolveu a história muito bem.

 

Infelizmente, a série continua morna, sabe? Eu não consegui me apegar realmente a ela, e continuo lendo sem expectativas simplesmente porque ela está aqui e eu quero chegar ao final disso de qualquer maneira. Mas não há nada na narração que torne Beijada por um anjo uma história realmente especial e inesquecível, sabe? Na verdade, a história fecha redondinha, e por isso eu penso que a autora poderia ter finalizado a série bem aqui. Realmente, não sei de onde ela tirou história para escrever mais três livros, mas… Eu vou insistir simplesmente para saber no que tudo isso vai dar.

 

*Post com conteúdo comercial.

Post escrito por:

22 anos, interior de São Paulo. É recém-formada em Engenharia Civil e atualmente cursa pós-graduação em Arquitetura de Interiores. Criou o Casinha Arrumada para falar das coisas que mais ama e compartilhar histórias. É apaixonada por decoração, livros, músicas e séries de TV. Siga nas redes sociais: Instagram - Facebook - YouTube - Pinterest

A Elite por Kiera Cass (A Seleção #2)

Interligados – Aden Stone contra o Reino das Bruxas por Gena Showalter (Interligados #2)

Escreva um comentário

1 comentário para “Almas Gêmeas por Elizabeth Chandler (Beijada por um anjo #3)”

  1. 10/06/2014 às 17:40

    apesar de todo o enredo bacana foi um livro que não me atraiu! acho que per ser um sobrenatural, que não esta na minha lista preferida de estilos ou por ser uma série tão longa
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/